Sábado, Junho 22, 2024
InícioSaúdeSurto de cólera controlado em Cobwé - garante Governadora Do Niassa

Surto de cólera controlado em Cobwé – garante Governadora Do Niassa

SURTO DE CÓLERA CONTROLADO EM COBWÉ
GOVERNADORA DO NIASSA GARANTE CONSTRUÇÃO DE UM SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA NA REGIÃO


A Governadora da Província do Niassa, Elina Judite Massengele, de visita de trabalho no âmbito da monitoria e acompanhamento do surto da cólera, que vem se registando desde do dia 14 do mês passado do ano em curso, no Posto Administrativo de Cobué, Distrito do Lago, Província do Niassa, garantiu que o seu executivo vai implantar um sistema de abastecimento de água com vista a resolver a problemática da falta deste precioso líquido naquele ponto da Província.


“vimos a Cobué para dar o nosso conforto a todas as famílias que foram assolados pela cólera e transmitir um sentimento de pesar para aquelas famílias que perderam os seus familiares e dizer o governo está convosco. Como sabem, a cólera é uma doença de mãos sujas, por isso que estamos preocupados com o comportamento do empreiteiro que foi contratado para instalação de uma fonte de água e que nada fez. Contudo, queremos garantir aqui que o meu executivo vai implantar para a população do Posto Administrativo de Cobué, um sistema de abastecimento de água, que poderá resolver todos problemas de falta deste precioso liquido. Mas que pedimos à toda população para que sejam fiscais da obra para evitar que aconteça o que aconteceu com outro empreiteiro” – disse a dirigente na ocasião.
Esta garantia foi dada nesta quinta-feira (06/10) em Cobué, em resposta do pedido da população Cobué, disse não se esquecer das realizações do executivo da Elina Judite Massengele, enquanto Governadora do Niassa, naquele Posto Administrativo.


“Há muito que podíamos mencionar, mas devido ao contexto, permita-nos aqui mencionar alguns problemas que fazem barreira no desenvolvimento social e económico do Posto Administrativo de Cobué: falta de fontes de abastecimento de água potável na sede do Posto e nas Localidades, falta de purificação de água “certeza”, a paralisação da circulação do navio chambo, falta de energia nos bairros da sede do Posto Administrativo Localidade, e Reduzido número de profissionais de saúde e docente”- Lê-se na mensagem da população.


A terminar a governadora apelou no sentido da população siguir com as orientações de higienização através das mensagens que estão sendo divulgadas pelas autoridades competentes e outros intervenientes “levem aos postos de vacinação contra a COVID19, todos adolescentes dos 12 aos 17 anos e que por sinal estão em idade escolar, para que estejam imunizados contra esta pandemia, e também continuem a controlar aos nossos filhos a terem cuidados na higienização para que não venham apanhar a cólera, porque estes são os líderes do amanhã” – Concluiu.

CEP – Niassa como fonte

Loading

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments