Sexta-feira, Julho 12, 2024
InícioSociedadePor ocasião do Dia da Paz - Niassa clama "SOMOS OS SEMEADORES...

Por ocasião do Dia da Paz – Niassa clama “SOMOS OS SEMEADORES DE PAZ”

CULTO ECUMÉNICO PELA PAZ
NIASSA CLAMA “SOMOS OS SEMEADORES DE PAZ”
Foi este o canto que mais se ouviu no culto religioso ecuménico realizado no dia 3 de Outubro em Lichinga, por ocasião da celebração do 30 anos da assinatura dos Acordos Gerais de Paz.


Em Lichinga as congregações religiosas, cristãs e muçulmanas, juntaram-se para Juntos rezar, orar e cantarem pela manutenção da Paz, Reconciliação, Estabilidade Social e pela cura das doenças como a Covid-19 em Moçambique em geral e na nossa Província em particular.

<script async src="https://pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js?client=ca-pub-9789866875426955"
     crossorigin="anonymous"></script>
<ins class="adsbygoogle"
     style="display:block; text-align:center;"
     data-ad-layout="in-article"
     data-ad-format="fluid"
     data-ad-client="ca-pub-9789866875426955"
     data-ad-slot="4436198834"></ins>
<script>
     (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>


Os órgãos de Governação Descentralizada Provincial estiveram representados ao seu mais alto nível, pela Governadora da Província, Sua excelência Elina Judite Massengele, pelo Secretário do Estado Provincial, Sua Excelência Dinis Vilanculo Chambiuane e pelo Presidente do Conselho Autárquico de Lichinga, Luís Saide Jumo.


Foram cerca de 4 horas de culto, que dente orações e mensagens, os crentes clamaram pela intervenção divina para a manutenção da Paz Niassa, uma vez que Niassa tem tido a benção de viver um ambiente de Paz, Ordem e Tranquilidade Pública, desde o último ataque terrorista havido Mecula no ano de 2021.


“As igrejas jogaram e sempre jogam um papel fundamental para a conquista e restabelecimento da Paz e a sua consolidação, por isso que queremos deixar muito claro que continuaremos juntos das confissões religiosas para cultos ecuménicos desta natureza, para estes clamores pela paz, de modo a que a Paz em Moçambique seja autêntica, verdadeira e duradoura e Moçambique continue uma nação una, indivisível, reconciliada e que haja a verdadeira harmonia entre nós” – apelou a governadora do Niassa, Elina Judite Massengele na ocasião.


O culto ecuménico juntou líderes de diferentes congregações religiosas, políticos e membros das organizações da sociedade e teve lugar em Lichinga, capital provincial do Niassa, numa iniciativa do Comissão dos Assuntos Religiosos da Província do Niassa em parceria com o Conselho de Serviços de Representação do Estado na Província do Niassa.
CEP – Niassa como fonte

Loading

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments