Quarta-feira, Fevereiro 21, 2024
InícioGoverno do NiassaNiassa reduz casos e óbitos por malária

Niassa reduz casos e óbitos por malária

NIASSA, REDUZ CASOS E ÓBITOS POR MALÁRIA


A informação foi dada nesta terça-feira, (27/4), aquando da realização da VI Sessão Ordinária do Conselho Executivo Provincial, pela Directora Provincial da Educação do Niassa e Porta-Voz desta Sessão, Alocre Saide Jaime.

Nesta sessão, o órgão tomou conhecimento que a Província do Niassa, regista uma tendência de redução de casos e de óbitos por Malária na ordem de 56.2% e 36.2% por serem registados 135.212 casos e 37 óbitos 2021 contra 308.797 casos e 58 óbitos em 2020 respectivamente.

Contudo, há evolução do número de casos e manteve estacionário o registo de óbitos por diarreia na ordem de 6.0% e 0.0% ao serem registados 20.875 casos e 06 óbitos em 2021 contra 19.657 casos e 06 óbitos de 2020 respectivamente.


Verifica-se uma redução significativa de casos e redução de óbitos por mordedura animal e raiva na ordem de 16.1% e 100.0%, ao serem registados 328 casos e 0 óbitos em 2021 contra 391 casos e 01 óbitos em igual período de 2020.

Situação da COVID-19 na Província do Niassa 
A Porta-Voz disse ainda que nesta Sessão, o “Órgão tomou conhecimento que até o dia 26 de Abril de 2021 a Província do Niassa teve um cumulativo de 2.515 de casos positivos e confirmados laboratorialmente. Deste número 13 é o total de casos internatos até ao dia 27 de Abril do ano em curso. E actualmente a nossa província não tem nenhum caso internato; 2.344 são totalmente recuperados; números de óbitos mantêm-se estacionários em 3. Estão activos 168 pacientes de Covid-19 em seguimento domiciliário”. Avançou.


Em relação ao Ponto de Situação da Campanha Agrária 2020/2021, a Directora Províncial de Agricultura e Pescas, Mijóia Caetano, disse que a Campanha Agrária 2020/2021 está a decorrer sem sobre saltos, tendo-se iniciado com a preparação da terra no mês de Setembro.
E neste momento o estado das culturas é satisfatório, a avaliar pelo seu estágio (nas fases diferenciadas: germinação, desenvolvimento vegetativo, maturação, colheita, formação de vagens), aliado a queda regular das chuvas em todos Distritos, e aos amanhos culturais realizados atempadamente pelos produtores.
Estando actualmente a decorrer actividades de sensibilização dos Pequenos Agricultores Comerciais Emergentes e Pequenos Agricultores em geral para tirarem os cepos nas suas machamba no sentido de facilitar as lavouras na próxima campanha agrícola. E de um modo geral os indicadores, mostram que a Extensão conheceu melhorias em relação a cobertura da assistência técnica”– disse a Dirigente.

Loading

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments