Sexta-feira, Julho 19, 2024
InícioAgriculturaCampanha agrária 2020-2021 no Niassa

Campanha agrária 2020-2021 no Niassa

CAMPANHA AGRÁRIA 20/21 NO NIASSA SATISFAZ MEMBROS DA ASSEMBLÉIA PROVÍNCIAL
SEGUNDO DIA DA III SESSÃO DA ASSEMBLEIA PROVINCIAL DO NIASSA

A província do Niassa, é uma das melhores no que se refere a produção agrícola. Com terás potencialmente favoraveis ao cultivo de diversas culturas, a província tem contribuído imensamente na producao agricola no nosso país seja para auto sustento ou comércio.
Não distante disso, a campanha agrária 2020-2021 mostra – se ser positiva e prevê – se alcançar a meta estabelecida em termos de colheita.

Os resultados positivos da campanha agraria 20/21 na Província do Niassa, realizada pelo Executivo de Elina Judite Massengele, satisfaz aos membros da Assembleia Provincial do Niassa, reunidos no segundo e último dia da sua III Sessão Ordinária que decorre desde 31/03/2021.

No documento apresentado aos Membros da Assembleia Provincial do Niassa, refere que o estado das culturas nos campos de produção, em maior percentagem das áreas é satisfatório, a avaliar pela queda regular das chuvas e as amanhos culturais realizadas atempadamente pelos produtores.


A Directora Provincial da Agricultura e Pescas do Niassa, Mijoia Caetano que apresentou o documento ao plenário, disse que a Província do Niassa, foi alocada cerca de 648,6 toneladas de sementes diversas, sendo 6,6 toneladas pela Direcção Provincial da Agricultura e Pescas do Niassa, 292 toneladas pelo Programa SUSTENTA, 13,1 toneladas pelo parceiro SNV DEMA LIBA e 337 toneladas pela empresa Moçambique Leaf Tabaco, beneficiando num total de 54.198 produtores das 1.050 toneladas previstas, representando uma realização de acima de 100%.
“No âmbito do programa de Mecanização Agrária, que a muito tem trazido inúmeras vantagens aos agricultores, foram lavradas 5,520 hectares por meio de tractores dos Centros de Serviços Agrários do sector público e produtores de sector privado e 1.150 hectares do programa SUSTENTA das 6.225 hectares planificados, representando 88,7% de realização” – disse Directora Provincial da Agricultura e Pescas do Niassa, Mijoia Caetano.

Na província de Niassa, de Outubro de 2020 à Março de 2021 registou um cumulativo de 1.303,6 mm contra 873,8 mm do igual período da campanha passada.


Ao nível da Província, destaca se os Distritos de Mandimba, Mecanhelas, Cuamba e Lichinga são os que registaram maior precipitação tendo se registado o pico na segunda década de Janeiro com 232,5 mm para Mandimba, na segunda década de Janeiro com 212,5 mm para Mecanhelas, na segunda década Fevereiro com 310,1mm para Cuamba, na terceira década de Janeiro com 202,7 mm para Lichinga.


“No tocante às culturas alimentares, foram preparados 1.060.426 hectares dum plano de 1.106.047 hectares equivalente a 95,9% de realização e destes, foram semeados 1.050.017,6 hectares correspondendo a 94,9% de realização do plano”.  a Directora Provincial da Agricultura e Pescas do Niassa, Mijoia Caetano.


Na presente Campanha Agrária, a Província do Niassa preparou cerca de 61.317,9 hectares dos 67.502 hectares planificados correspondendo a uma realização de 90,8% e destes foram semeados 61.317,9 dos 67.503 hectares planificados correspondendo a uma realização de 90,8% de realização.


Programa SUSTENTA


O programa Sustenta tem por objectivo melhorar a qualidade de vida dos agregados familiares rurais através da produção de agricultura sustentável social, económica e ambiental.

Ao nível da Província do Niassa, o Programa SUSTENTA abrange em 10 Distritos, nomeadamente: LagoSangaChimbunilaMuembeMetaricaCuamba, Mecanhelas, Ngauma e Mandimba.


“Com um envolvimento de 36 PACEs e 1665 PAs que são assistidos por 55 Técnicos de Campo dos 16 Supervisores e 39 Coordenadores de Extensão Agrária. E com esse programa, foram lavrados e semeados cerca de 1.150 hectares de um plano de 5.940 hectares com uso de maquinarias agrícolas recebidas, falo aqui de 27 tractores, correspondente a um grau de realização de 19,4%” – Avançou a Directora Provincial da Agricultura e Pescas do Niassa, Mijoia Caetano.


Extensão Agrária


A província do Niassa, a mais extensa do país, possui vastas áreas de cultivo e os produtores contam com inúmeras identidades de acampamento no processo do cultivo.

 Para a presente Campanha Agrária no Niassa, os serviços públicos de extensão Agrária continuam a cobrir a assistência técnica aos produtores agrários em 39 Postos Administrativos, num total de 548 Técnicos Extencionistas,dos quais 271 da rede pública, 14 das Organizações Não Governamentais, 10 das Organizações Nacionais, Cooperativa, União dos Camponeses e 253 das Empresas de Fomento.


“Por isso, que no âmbito de assistência aos produtores, foram planificados 50.750 produtores na presente campanha 20/21 e destes foram assistidos 26.306 sendo 13.762 e 12.544 mulheres correspondendo a uma realização de 51.83%” – afirmou Directora Provincial da Agricultura e Pescas do Niassa, Mijoia Caetano.


Dizer que o estado das culturas é satisfatório ao nível da Província do Niassa, avaliando pelo estágio de germinação, desenvolvimento vegetativo, maturação, formação de espigas e formação de Ganges, aliados a queda regular das chuvas em todos os distritos além dos amanhos culturais realizados atempadamente pelos produtores.


Por: CEP-NIASSA

Loading

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments