Terça-feira, Abril 16, 2024
InícioGovernaçãoLUDOVINA BERNARDO, VICE-MINISTRA DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO RECEBIDA PELA GOVERNADORA MASSENGELE

LUDOVINA BERNARDO, VICE-MINISTRA DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO RECEBIDA PELA GOVERNADORA MASSENGELE

AUDIÊNCIA COM GOVERNADORA

LUDOVINA BERNARDO, VICE-MINISTRA DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO RECEBIDA PELA GOVERNADORA MASSENGELE

A Governadora da Província do Niassa, Elina Judite Massengele, recebeu em audiência na manhã de quinta-feira (30/03), na sala de audiências do seu gabinete de trabalho, Ludovina Bernardo, vice-ministra da Indústria e Comércio, no âmbito da implementação do ZEPA – Zona Especial de Processamento Agroindustrial e da ZEE – Zona Económica Especial de Uti no Corredor do Desenvolvimento Integrado Pemba-Lichinga.

“Mais de Cem Mil postos de emprego serão criados na região norte do país com a implementação deste Projecto ZEPA – Zona Especial de Processamento Agro-industrial em Niassa. Avaliado em perto de quarenta e oito milhões de dólares, o projecto conta com o financiamento do Banco Africano do Desenvolvimento e o governo com objectivo de promover a cadeia de valor das culturas de rendimento para o agro-processamento. Está na altura do início das obras de implantação desta grande infraestrutura que vai dar um “boom” a indústria na província do Niassa ” – disse a vice-ministra na ocasião.

Na ocasião, Ludovina Bernardo apelou para uma parceria pública-privada, com especial enfoque para mulheres e jovens durante a execução do projecto com vista a exploração de oportunidades de investimento na província.

A governadora do Niassa, saudou a chegada do ZEPA e ZEE de UTE na Província do Niassa, pois é uma mais valia para a nossa Província, uma vez que, na sua capacidade máxima, poderá transformar mais de três mil toneladas de matéria-prima diversa por dia, quer nas cadeias de valor de soja, gergelim, macadâmia, batata, trigo, feijões, milho, algodão e produção avícola.

“Assumimos o projecto como nosso, daí o nosso compromisso na promoção de políticas de inclusão dos empresários, desde a concepção até a implementação do projecto, bem como, a tramitação de toda a documentação da posse de terra para a construção das infraestruturas inerentes ao projecto e a melhorar as vias de acesso para a viabilização do triângulo norte, para que até 2026 fechemos sem sobre saltos todas as componentes previstas” – disse a dirigente da província na ocasião.

Com a implementação ZEPA e ZEE de UTE Niassa dá passos largos na industrialização da Província.

CEP Niassa como fonte

Loading

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments